Sabatinas com candidatos a prefeito de Lençóis começam segunda-feira

O primeiro entrevistado é o atual prefeito Anderson Prado de Lima; Marise, Dé Mazzini e Jottha Gonçalves completam a programação

O ECO seguiu nesta semana com a série de sabatinas com os candidatos a prefeito da microrregião de Lençóis Paulista. Os eleitores de Macatuba puderam conhecer um pouco do que pensa cada postulante ao cargo para a gestão que se inicia em 2021. Estiveram presentes Tarcisio Mateus Abel (PTB), Fabricio José Gino Pereira (PSD), Marcos Donizeti Olivatto (PL) e Anderson Ferreira (PODE) – veja ao lado o resumo das entrevistas. Além de Macatuba, candidatos de Borebi e Areiópolis, na semana passada, também participaram das sabatinas.

As SABATINAS O ECO ELEIÇÕES 2020 seguem na próxima semana, com os candidatos a prefeito de Lençóis Paulista. De acordo com o sorteio realizado no dia 21 de outubro, com a presença de candidatos e representantes de partidos das quatro cidades, o primeiro entrevistado, na segunda-feira (9), será o prefeito Anderson Prado de Lima (DEM), que tenta a reeleição ao lado do vereador Manoel dos Santos Silva, o Manezinho (PSL), candidato a vice.

Na terça-feira (10), é a vez do ex-prefeito José Antonio Marise (PSDB), que tem como candidato a vice Marcelo Fernando Ranzani (PROS). Celso Angelo Mazzini, o Dé Mazzini (PTB), que disputa a eleição ao lado de Cleuza Spirandelli (PTB), é o sabatinado de quarta-feira (11). Finalizando a série de entrevistas, na quinta-feira (12), participa da sabatina o candidato Expedito José Gonçalves, o Jottha Gonçalves (PT), que tem Celso Eduardo Jacon (PT) como postulante a vice.

COBERTURA TOTAL

A equipe de O ECO está alinhando os últimos detalhes para a cobertura completa das Eleições 2020 no dia 15 de novembro, que marca a definição dos novos representantes dos poderes Executivo e Legislativo. Flashes ao vivo, entrevistas exclusivas, acompanhamento da votação dos candidatos, informações de bastidores, parciais das urnas e, claro, o resultado final, tudo em primeira mão. Vale lembrar que a transmissão das SABATINAS O ECO ELEIÇÕES 2020 e da cobertura do dia 15 acontecem pela página do jornal no Facebook (www.facebook.com/oeco.digital) e pelo canal no Youtube (www.youtube.com/OECOTV).

Tarcisio quer municipalizar SISAM

A série de sabatinas com os candidatos a prefeito de Macatuba começou na segunda-feira (2), com a participação de Tarcisio Mateus Abel (PTB). Ele concorre ao cargo máximo do Poder Executivo ao lado do ex-vereador, Carlos Augusto Maganha Vanni, o Carlinhos Vanni (CIDA).

Tarcisio falou sobre o CEMP/SENAI, que segundo ele, está abandonado. Caso seja eleito, o candidato a prefeito pelo PTB revelou que vai dar a atenção devida ao Centro Municipal Profissionalizante, com a criação de cursos que atendam à demanda local. Por falar em emprego, Tarcisio também adiantou outro projeto que pretende colocar em prática, caso seja eleito. “É possível atrair empresas para Macatuba e, para que isso aconteça, é fundamental construirmos um barracão para abrigar empresas menores que geram grande volume de emprego”, disse.

A equipe de reportagem de O ECO também perguntou ao candidato do PTB porque o seu Plano de Governo não contempla ações voltadas ao turismo local. Tarcísio respondeu dizendo que o assunto não será prioridade absoluta em seu mandato, caso eleito, destacando outras linhas de trabalho, como saúde e educação. Outra prioridade citada por ele é o estudo para verificar a possibilidade de municipalizar o SISAM (Sistema de Saneamento Ambiental de Macatuba), assunto que há tempos eleva as discussões no município.

Zerar filas na saúde é uma das prioridades de Fabrício

Quem compareceu aos estúdios de O ECO na terça-feira (3) foi o vereador Fabrício José Gino Pereira (PSD), que forma chapa com Aline Mariana Ronque (PSD), em Macatuba.

O assunto saneamento foi uma constante na entrevista. Fabrício Pereira revelou o desejo de transformar o SISAM (Sistema de Saneamento Ambiental de Macatuba) em uma autarquia, como forma de renovação. Citou que a atual empresa responsável pelo sistema presta, o que ele considera, “um desserviço” e garantiu que, caso eleito, vai rever o atual contrato.

No campo das propostas, o candidato a prefeito quer promover em seu mandato mutirões de saúde com o objetivo de diminuir ou até zerar as filas para exames e cirurgias. E para que esse problema não ocorra novamente, Fabrício Pereira garantiu que, caso eleito, vai contratar mais médicos especialistas.

O candidato do PSD ainda falou sobre geração de emprego e renda. Para ele, a lei municipal que versa sobre concessão de barracões e terrenos deve ser revista. Como justificativa à proposta, citou a necessidade de o empresário devolver à Prefeitura Municipal o barracão ou o terreno após dez anos de uso. “Quem faz um investimento sabendo que não terá uma continuidade? Ao invés de atrair empresários, essa lei os expulsa”, questionou.

Marcos Olivatto fala em “novo governo” no próximo mandato

O sabatinado de quarta-feira (4) foi o atual prefeito de Macatuba, Marcos Donizeti Olivatto (PL), que concorre à reeleição ao lado do vice Amauri Antonio Bornello (PV).

O assunto pandemia do novo coronavírus (Covid-19) foi uma tônica da sabatina. Primeiro por conta da crise econômica. Marcos Olivatto garantiu que, caso eleito, vai gerenciar os recursos e comemorou o fato de a Prefeitura estar “saudável” financeiramente, com R$ 4 milhões em caixa. Também ressaltou que sai “mais fortalecido” da pandemia, já que precisou e ainda precisa tomar decisões importantes relacionadas ao assunto diariamente.

O SISAM (Sistema de Saneamento Ambiental de Macatuba) também foi debatido na sabatina. Marcos Olivatto garantiu que “não quer” a Sabesp de volta e ainda citou várias obras realizadas na cidade visando melhorias no saneamento básico. Também falou sobre a proposta de perfurar um poço profundo, projeto que está para aprovação na Câmara Municipal. “Passadas as eleições, este projeto deve ser aprovado”, disse, em tom de cobrança ao Poder Legislativo local.

O ponto alto da entrevista foi a afirmação de Marcos Olivatto de que, caso seja eleito, vai promover alterações em sua equipe administrativa. Ele inclusive disse já ter conversado com o vice Amauri Bornello sobre o assunto. A ideia é que, a partir de 2021, Macatuba tenha um novo governo em sua gestão. “Nesses quatro anos de governo, trocamos alguns cargos. Mas avaliamos o que deu certo e o que não deu, e vamos, sim, montar uma nova equipe, caso sejamos reeleitos”, garantiu.

Quando questionado sobre a educação do município, Marcos Olivatto garantiu que Macatuba é referência no assunto e citou o IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) para atestar a afirmação. Em 2017, o IDEB de Macatuba foi de 7,4, e em 2019, caiu para 7,0. Mesmo com a redução, é um dos maiores índices registrados na região.

Anderson Ferreira propõe administração participativa

O entrevistado de quinta-feira (5) foi o vereador Anderson Ferreira (PODE), que concorre ao cargo máximo do Poder Executivo de Macatuba ao lado do empresário Claudinei Correa Leite de Moraes (PODE).

A primeira pergunta ao candidato foi direcionada à decisão de não tentar a reeleição como vereador, já que está em seu primeiro mandato no Poder Legislativo. Ferreira justificou dizendo que se sentiu e ainda se sente incomodado pelo fato de os seus projetos de lei aprovados não terem sido colocados em prática pelo Poder Executivo e disse que quer “qualificar” a política local, saindo do que ele considera uma política “paroquiana”.

Entre as ideias de Anderson Ferreira está o governo participativo, no qual serão estabelecidos diversos conselhos para tomar decisões relacionadas ao município. O principal deles é o Conselho da Cidade, com dois representantes de cada bairro de Macatuba. “O Conselho da Cidade não substitui o papel da Câmara Municipal ou de outros órgãos constituídos. A ideia é que seja um espaço para ouvirmos com mais frequência os cidadãos”, disse.

Outro destaque das propostas de Anderson Ferreira é instalar um posto avançado nos altos da cidade, em parceria com a iniciativa privada. A ideia é que a Prefeitura doe uma área e a empresa construa o imóvel, podendo explorar alguns dos cômodos. Segundo Ferreira, no posto a população encontrará todos os serviços disponíveis no Paço Municipal. O local também abrigará um espaço destinado à Polícia Militar e outro ao Conselho Tutelar, para que as autoridades definam a melhor forma de utilizá-lo.

destaques

Aos 60 anos, morre Maradona

O site do jornal argentino Clarín acaba de informar que o ex-jogador Diego Armando Maradona faleceu nesta quarta-feira (25), após um mal...

Comércio se prepara para a Black Friday

A segunda data mais movimentada para o comércio está prestes a chegar. No dia 27 de novembro tem a Black Friday, ou...

Cidade recebe melhor jogador do mundo

O beach tennis pode ser definido como uma mistura de tênis, vôlei de praia e frescobol. É considerado simples de se praticar,...

Campanha Papai Noel dos Correios será digital

Na última quarta-feira (18), teve início mais uma edição da campanha Papai Noel dos Correios, que terá algumas mudanças em relação aos...

Anaísa Portes Ramos é pioneira na cirurgia robótica no interior

Primeira cirurgiã robótica no interior do estado de São Paulo, a médica Anaísa Portes Ramos, nascida em Lençóis Paulista, é formada em...