Polícia encontra madeira e ferramentas furtadas em assentamento

As polícias Civil e Militar de Pederneiras realizaram uma operação na manhã da última quinta-feira, em uma residência no Assentamento Aimorés, para cumprimento de um mandado de busca expedido pela Justiça. Segundo informações, havia denúncia de que um furto de gado aconteceu dias atrás e a carne estaria na referida residência. Durante o fato, o gado foi abatido e parte da carne teria sido levada até o local, onde haveria um rodeio e a carne seria comercializada com churrasco.
As equipes policiais foram à residência por volta das 6h da manhã. Quando chegaram, encontraram o local todo apagado. Houve a tentativa de fazer contato com o proprietário, porém, ninguém atendeu. Foi feito o cerco à casa e, após tentativa, os policiais conseguiram entrar, pelo fato de a porta estar destrancada. No local, encontraram várias pessoas, dentre elas, o proprietário. A casa estava sem reboco, uma construção inacabada e em péssimas condições de higiene.
Durante as buscas, em um dos cômodos, havia várias ferramentas, como furadeira, máquina de solda, bomba de passar veneno, todos empilhados em um canto do cômodo, indagado a respeito, o proprietário passou a dar informações desencontradas, levantando a suspeita de que eram produtos de furto. Na sequência, durante as buscas, os policiais localizaram um quarto com a porta fechada, assim que a porta foi aberta, se depararam com um cachorro de grande porte “protegendo” o local. Dentro do quarto havia um freezer e, dentro dele, cerca de 70 kg de carne bovina, além, também, de diversos remédios veterinários, o que também despertou a suspeita de se tratar de produto de furto.
Saindo da residência, os policiais encontraram uma área coberta com lona, onde seria servido o churrasco. Um pouco mais à frente, havia uma arena de rodeio, toda montada com madeiras de diferentes formas e tamanhos, porém, algumas delas chamaram a atenção por conta de estarem muito bem cuidadas, destoando das demais. “Após buscar informações, descobrimos que há algum tempo uma propriedade teve tábuas de eucalipto tratado furtadas”, explicou o delegado Marcelo Bortoli Gimenes, que ainda completou afirmando que o prejuízo da vítima girou em torno de R$ 1700.
Ainda segundo a polícia, o proprietário do local onde os produtos foram encontrados foi sempre evasivo, negando toda vez que questionado. Os produtos foram levados à Delegacia de Polícia, onde foram feitas buscas por vítimas de possíveis furtos, rapidamente uma vítima se apresentou e reconheceu uma furadeira, várias ferramentas e uma bomba de veneno, prejuízo avaliado em aproximadamente R$ 680. O proprietário do local foi preso por receptação e levado à cadeia pública de Avaí.

destaques

Plantão da Polícia Civil será transferido para Bauru

A partir da próxima terça-feira (1), o plantão da Polícia Civil de 18 cidades da região, entre elas, Lençóis Paulista, será transferido...

Comerciantes fazem balanço positivo da Black Friday

A Black Friday, ou Sexta-feira Negra, segue aquecendo o comércio de Lençóis Paulista. A campanha, que inaugura a temporada de compras natalinas...

Vagas criadas até setembro representam 15% do mercado formal de Lençóis Paulista

As restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19) comprometeram drasticamente a economia do país neste ano. Como reflexo, o nível de...

Prefeitura de Lençóis fará nova testagem em massa em dezembro

No mês de agosto, a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) começou a dar sinais de estabilização. A falsa ideia de que isso...

Bracell realiza operação de trânsito para transporte de grandes peças

O Projeto Star, obra de expansão da Bracell, em Lençóis Paulista, deve receber nesta sexta-feira (27) peças de equipamentos para a nova...