Ex-policial é preso por crime em Macatuba

PROVAS – Além da arma do crime, suspeito tinha cápsulas calibre 380 deflagradas, dinheiro e peças utilizadas no disfarce (Foto: Divulgação)

Um homem de 57 foi preso em Macatuba, na quarta-feira (19), após confessar ter assassinado a tiros um aposentado de 67 anos. O crime aconteceu no último sábado (15). Após a morte, o suspeito ainda fez diversos empréstimos em bancos da cidade e saques da conta vítima. Ele teve a prisão decretada por 30 dias indiciado por latrocínio (roubo seguido de morte).
No domingo (20), um trabalhador rural encontrou o corpo de Joaquim Pereira de Souza na zona rural da cidade. De acordo com a polícia, ele tinha três ferimentos causados por disparo de arma de fogo na região abdominal. Sem documentos, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Bauru.
O caso foi passado para a Polícia Civil, que começou a investigar. Na segunda-feira (17), um dos filhos da vítima procurou a delegacia comunicando seu desaparecimento, no outro dia, reconheceu o corpo no IML e revelou que quando o pai saiu de casa, estava com o celular e a carteira com documentos, dinheiro, cartões e senha, levando a polícia a passar a tratar o caso como latrocínio.
Na investigação, a Polícia realizou consulta bancária, que revelou diversos saques e empréstimos consignados em seu nome, entre sábado e terça-feira. Em posse destas informações, os policiais buscaram imagens do circuito interno da agência bancária, onde puderam visualizar que o suspeito fez os saques com óculos escuros, máscara cirúrgica e boné. Na manhã de quinta-feira (20), o homem tentou novamente fazer um saque, percebendo a ação, o gerente avisou a polícia que conseguiu deter o homem quando ele entrava em seu carro.
Segundo a polícia, o homem, que é Policial Militar aposentado confessou o crime. No carro dele, foram encontradas cápsulas de calibre 380 deflagradas e dinheiro, além das peças utilizadas no disfarce, em sua casa, foram apreendidos uma pistola e extratos bancários em nome da vítima. Segundo informações, o suspeito alegou ter se desentendido com a vítima na sexta-feira e no sábado em uma praça no centro da cidade e chamou o aposentado para eles saírem com seu carro e resolverem os problemas que haviam entre eles. Ele diz que deixou a vítima no trevo onde foi encontrada após nova discussão, porém resolveu voltar para busca-lo. Quando chegou, disse ter sido ameaçado com um canivete e alegou ter atirado em legítima defesa.

destaques

Bracell realiza operação de trânsito para transporte de grandes peças

O Projeto Star, obra de expansão da Bracell, em Lençóis Paulista, deve receber nesta sexta-feira (27) peças de equipamentos para a nova...

Aos 60 anos, morre Maradona

O site do jornal argentino Clarín acaba de informar que o ex-jogador Diego Armando Maradona faleceu nesta quarta-feira (25), após um mal...

Comércio se prepara para a Black Friday

A segunda data mais movimentada para o comércio está prestes a chegar. No dia 27 de novembro tem a Black Friday, ou...

Cidade recebe melhor jogador do mundo

O beach tennis pode ser definido como uma mistura de tênis, vôlei de praia e frescobol. É considerado simples de se praticar,...

Campanha Papai Noel dos Correios será digital

Na última quarta-feira (18), teve início mais uma edição da campanha Papai Noel dos Correios, que terá algumas mudanças em relação aos...