Orçamento 2021: o dilema de Bolsonaro!

Com a relação com o Legislativo desgastada, ele precisa decidir sobre vetos em texto aprovado no Congresso Nacional. Com despesas obrigatórias violadas e incremento de mais de R$ 26 bilhões em emendas, presidente pode cometer crime de responsabilidade se aprovar alterações, mas teme sofrer retaliação se fizer o contrário.

destaques