Secretaria de Esportes inicia disputa da segunda fase

Após etapa classificatória, participantes estão divididos em duas divisões

A bola voltou a rolar nesta semana pela 4ª Nova Copa Lençóis de Futsal, que entrou na segunda fase com as equipes agrupadas em duas divisões, cada uma com duas chaves. Os dois primeiros colocados de cada grupo na fase classificatória avançaram para a Série Ouro, enquanto os demais times passaram a disputar a Série Prata. São duas competições paralelas valendo título.

O Ginásio de Esportes Antonio Lorenzetti Filho (Tonicão) recebeu os primeiros jogos na noite da segunda-feira (21), todos da Série Prata. Pelo Grupo B1, o time da ALF (Associação Lençoense de Futsal) derrotou o Rubens Futsal por 5 a 2. Pela mesma chave e com o mesmo placar, o Meninos da Vila superou o Nacional. Pelo Grupo B2, o Nós Tentamos venceu o Valentes por 3 a 2.

Na quarta-feira (23), no único jogo da Série Prata, Guarani e Atletas do Ferrari mantiveram o equilíbrio em quadra e abriram a noite com um empate de 4 a 4 em confronto válido pelo Grupo B2. Nas demais partidas, ambas pelo Grupo A1 da Série Ouro, o Baile de Munique derrotou o Zoio FC por 3 a 1, enquanto que o Resenha ganhou do Primavera FC pelo placar de 2 a 1.

Dando sequência à competição organizada pela Secretaria de Esportes e Recreação, na quinta-feira (24), pela Série Prata, o Red Bull goleou o Nacional por 5 a 1 em jogo do Grupo B1. Na Série Ouro, pelo Grupo A2, o ACF (Athletic Club Futsal) venceu o União Primavera por 2 a 1, enquanto o Jardim América derrotou o time da AAL (Associação Atlética Lençoense) por 4 a 2.

Na noite dessa sexta-feira (25), seriam disputadas outras três partidas válidas pela Série Prata. Às 19h15, pelo Grupo B1, o Meninos da Vila enfrentaria a representação da ALF. Na sequência, às 20h05, pelo Grupo B2, jogariam Bom de Grupo e Guarani. Finalizando a semana de duelos, às 20h55, pela mesma chave, entrariam na quadra do Tonicão Atletas do Ferrari e Valentes.


A sua assinatura nos ajuda a fazer um jornalismo independente e de qualidade.

Valorize o jornalismo profissional. Fuja das Fake News. Clique aqui e assine O ECO!

destaques