Museu da Imagem e do Som apresenta debate sobre o filme Border

BORDER – Ciclo de Cinema e Psicanálise faz transmissão de debate realizado por especialistas em 2019 (Foto: Divulgação)

Nesta terça-feira (21), a partir das 20h, o Museu da Imagem e do Som (MIS), órgão ligado à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, apresenta mais uma vez o debate sobre o filme Border na edição intitulada Ciclo de Cinema e Psicanálise. A transmissão acontece pelo canal do museu (MIS São Paulo) no Youtube.
Com mediação de Luciana Saddi, psicanalista e diretora de cultura e comunidade da SBPSP (Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo), nesta temporada o #MISemCASA destaca algumas conversas da temporada 2019 sobre filmes que passaram pelo Ciclo.
Hoje, às 20h, será apresentado o debate sobre o filme Border, que foi realizado em outubro de 2019, com as presenças do psicanalista Ricardo Trapé Trinca e do jornalista Naief Haddad.
O FILME
Com direção de Ali Abbasi, Border, o filme conta história de Tina, uma policial que trabalha no aeroporto fiscalizando bagagens e passageiros. Depois de ser atingida por um raio na infância, ela desenvolveu uma espécie de sexto sentido, fazendo com que seja capaz de “ler as pessoas” apenas pelo olhar. Isso sempre representou uma vantagem na sua profissão, mas tudo muda quando ela identifica um criminoso em potencial e não consegue achar provas para justificar sua intuição. Após o episódio, ela passa a questionar seu dom, ao mesmo tempo em que fica obcecada em descobrir qual o verdadeiro segredo de Vore, seu único suspeito não legitimado.

destaques