Circular com tarifa a R$ 2 começa a operar na segunda-feira

Novo sistema de fretamento adotado perla Prefeitura Municipal conta com novas linhas e horários disponíveis aos usuários

O novo sistema de ônibus circular de Lençóis Paulista, com tarifa a R$ 2, entra em operação na segunda-feira (20), a partir das 5h. Os ônibus vão realizar o transporte todos os dias da semana, inclusive domingos e feriados. O novo sistema terá ampliação de duas linhas e uma de apoio, além de novos horários de circulação durante a semana, aos domingos e feriados. Para saber quais são as novas linhas e horários, acesse o link no final da matéria.

A redução do valor da passagem de R$ 3,50 para R$ 2, além da reestruturação das linhas, foi possível porque a Prefeitura Municipal de Lençóis Paulista mudou o sistema do transporte público de concessão para fretamento. As gratuidades para os idosos que possuem o cartão e a meia passagem para os estudantes continuam valendo. Quem possui cartão do transporte atual com créditos também poderá continuar utilizando no novo sistema.

“Após análises e estudos realizados pela administração, avaliamos que o sistema de fretamento, além de reduzir bastante o valor da passagem, atenderia melhor as necessidades dos usuários na questão da logística, com ampliação de linhas e horários. A redução do gasto com transporte tem impacto positivo no orçamento das famílias que utilizam o serviço, na rotina de estudantes. E é esse o projeto, o objetivo do nosso governo”, destaca o prefeito Anderson Prado de Lima (UNI).

Na mesma linha, segue Manoel dos Santos Silva, o Manezinho (UNI), prefeito em exercício, que permanece no cargo até o próximo dia 26. “Esta é, certamente, uma boa notícia para quem depende do transporte coletivo, principalmente trabalhadores e estudantes. Neste cenário de alta de preços em todo o país é um orgulho poder adotar mais uma política pública em favor de quem mais necessita”, completa.

Anderson Silva Buratto, secretário de Planejamento e Urbanismo, destaca que a adoção do sistema de fretamento levou em conta dois pontos importantes: a possibilidade de reduzir o valor da passagem, além do fato de a administração poder participar diretamente na logística do transporte público. Segundo ele, a Prefeitura Municipal também vai disponibilizar um canal de WhatsApp para receber sugestões dos usuários. O objetivo é estar em dia com as demandas e corrigir possíveis problemas. O número para contato é o (14) 3269-7140, que deve ser usado somente para mensagens.

“O estabelecimento de novas linhas e ampliação dos horários, inclusive aos domingos e feriados, levou em consideração as demandas dos próprios usuários do serviço. Além disso, nós já estamos trabalhando em mecanismo para manter o diálogo constante com os usuários, para estar sempre em dia com as demandas, e para que o sistema opere sempre de forma otimizada”, reforça.

O sistema de fretamento também é feito por meio de processo licitatório. A empresa vencedora foi a Grecco, com a menor proposta apresentada durante o processo de licitação, de R$ 5,40 por quilômetro rodado. Pelo contrato, a empresa fica comprometida em disponibilizar 10 veículos para a realização do transporte diariamente, com um veículo de reserva nas mesmas condições e especificações dos que estão em operação, sistema de bilhetagem eletrônica e controle de quilometragem por GPS. Todos os veículos terão acessibilidade e a idade média da frota será de oito anos. O investimento da Prefeitura será de até R$ 367 mil por mês, por 68 mil quilômetros.

“A empresa vai arrecadar a tarifa e a Prefeitura vai pagar a diferença entre o que foi arrecado e o que foi gasto. Ou seja, os valores arrecadados com a tarifa serão abatidos do valor mensal pago à empresa. Como o sistema é controlado por GPS, a Prefeitura fará o pagamento do que foi efetivamente rodado”, explica o secretário de Suprimentos e Licitações Luiz Fernando Campos.

De acordo com o secretário de Finanças Júlio Antônio Gonçalves, já com a passagem ao custo de R$ 2, a estimativa de arrecadação é de cerca de R$ 82 mil por mês. “Nós estimamos que o investimento mensal com o transporte ficará na casa dos R$ 300 mil/ mensais. Mas com a melhoria do serviço, a expectativa é que também aumente o número de passageiros e, consequentemente, reduza o valor de contrapartida da Prefeitura”, completa. Confira quais são as novas linhas e horários acessando o link.


A sua assinatura nos ajuda a fazer um jornalismo independente e de qualidade.

Valorize o jornalismo profissional. Fuja das Fake News. Clique aqui e assine O ECO!

destaques