A interferência das mídias sociais nas relações diplomáticas

Intercâmbio mundial e disseminação de informações para culturas em todo o mundo por muitos anos tem sido muito difícil devido à falta de recursos, hoje, porém essa abordagem é facilitada. Muitas pessoas desacreditaram do poder da Internet quando ela surgiu, porém, após uma grande queda no uso, podemos dizer que o maior acontecimento histórico da internet aconteceu: as mídias sociais (blogs, Orkut, Facebook, Twitter, etc.). As mídias sociais são entendidas por um sistema de comunicação que permite a interação entre as pessoas, um método prático que através da internet possibilita nos aproximarmos das pessoas em tempo real, mesmo que não estejamos por perto.

Tendo em vista que é um momento importante para as relações internacionais no geral, as mídias sociais se tornaram formas de comunicação oficiais entre Estados e atores. Objetiva-se, estudar como as mídias sociais impactam diretamente nas relações internacionais entres os atores. E como estamos vivendo momentos inflados na diplomacia, tudo que se diz, por exemplo, no Twitter se torna verdade absoluta e disseminada em questão de segundos pelo mundo todo, afetando diretamente tratativas diplomáticas.

Diante do exposto, e analisando os conceitos acima citados, podemos concluir que as mídias sociais, atuam nos dias de hoje como um dos principais meios de consumo de notícias, o que abre um grande espaço e dá voz a diversos grupos de pessoas, independentemente da quantidade e expressividade física desses grupos.

A metodologia bibliográfica para a elaboração do presente artigo, foi a pesquisa em sites, livros e periódicos com fontes de dados primários e secundários. Sendo assim, podemos dizer que através do consumo de materiais de origem informativa, como notícias, sendo feito por meio das redes sociais, fica dificultada a comprovação dos fatos divulgados, facilitando a disseminação de conteúdos que sejam parcial ou totalmente não verdadeiros. É algo assustador, porém real, dizermos que uma guerra pode ser iniciada através de um tweet (tipo de publicação utilizada na rede social “Twitter”), e isso nos faz refletir o poder que temos literalmente nas palmas de nossas mãos.


LAURA MACHADO CAMARGO – Graduanda em Relações Internacionais pelo Centro Universitário Sagrado Coração.


Confira a versão completa do artigo clicando aqui.

destaques