Lwart Lubrificantes doa recursos para montagem de leito de UTI
Em meio à pandemia da COVID-19, a empresa reforça o compromisso com a comunidade e anuncia apoio ao Hospital Piedade
Lwart Lubrificantes doa recursos para montagem de leito de UTI
SOLIDARIEDADE - Lwart doa recurso para ser investido na compra de equipamentos hospitalares (Foto: Divulgação)
A Lwart Lubrificantes, indústria sustentável de coleta e rerrefino de óleo lubrificante pós consumo, doou cerca de 100 mil reais para o Hospital Piedade de Lençóis Paulista, cidade onde a empresa mantém sua matriz. Este recurso será utilizado pelo hospital para compra de equipamentos como cama elétrica, ventilador pulmonar, monitor multiparâmetros, entre outros, para montagem de um leito de tratamento Intensivo (UTI).
O novo leito será essencial para a assistência dos pacientes de Lençóis e região. A cidade tem um caso confirmado e outros dezesseis em análise. Por isso, o diretor-presidente da Lwart Lubrificantes acredita que o apoio à rede pública de saúde é essencial.
“Temos uma preocupação muito grande em assegurar o bem-estar da nossa comunidade e ajudar no que estiver ao nosso alcance, tanto no combate à transmissão do vírus quanto na preservação de vidas. Acreditamos que com a adoção dos cuidados necessários e a responsabilidade compartilhada entre todos, vamos superar este momento” diz Thiago Trecenti.
O investimento complementa as ações já adotadas dentro da empresa para garantir a segurança dos colaboradores e parceiros. A Lwart faz parte dos chamados “serviços essenciais” que garantem o abastecimento nacional e segue as orientações de prevenção da Organização Mundial da Saúde (OMS).  Cerca de 70% da área administrativa está em trabalho remoto (home office) e todas as pessoas que fazem parte do chamado grupo de risco (gestantes, idosos, pessoas com doenças respiratórias, diabetes, doenças cardíacas ou imunossuprimidas) estão afastadas de suas funções.
Fonte: segundo Blog Grupo Lwart 
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2020 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia