Assistência Social confecciona 1.500 máscaras
Profissionais da saúde e servidores municipais que estão trabalhando com contato humano serão beneficiados
Assistência Social confecciona 1.500 máscaras
PEDERNEIRAS - Confecção de 1.500 máscaras vai beneficiar profissionais da saúde e servidores municipais (Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa)

Com a paralisação de todos os cursos de formação profissional e geração de emprego e renda oferecidos pela Prefeitura de Pederneiras na tentativa de barrar a disseminação do novo Coronavírus, as Secretarias Municipais de Saúde e de Desenvolvimento e Assistência Social uniram-se para produzir máscaras de proteção individual para os profissionais da saúde e também servidores municipais que estão trabalhando em serviços essenciais com contato humano.

A iniciativa surgiu da falta de máscaras no mercado. Com a disseminação do Covid-19, houve o aumento da procura por este equipamento de proteção individual, acarretando na falta até para os profissionais da saúde que realmente precisam.

“Fizemos uma parceria com a Secretaria Social para que, juntos, pudéssemos produzir as máscaras para aumentar a segurança no trabalho dos nossos profissionais, uma vez que estamos com dificuldades até para comprar esses equipamentos. Estão em falta”, explica o Secretário Municipal de Saúde, Dr. Pedro Luiz Pereira.

As máscaras começaram a ser produzidas nesta semana na sede da Secretaria Social. A estimativa é de que sejam produzidas cerca de 1.500 unidades. A Secretaria de Saúde comprou os materiais e a produção está acelerada. Quem está botando a mão na massa são as servidoras da Secretaria Social. Enquanto uma recorta o tecido, outra costura e outra passa as máscaras. A produção não para. São 200 máscaras produzidas manualmente, com cuidado e todo o carinho do mundo todos os dias. As máscaras estão sendo confeccionadas em tecido de Tricoline de algodão, e serão lavadas, esterilizadas e reutilizadas.

“É gratificante poder ajudar em um momento desses. Nossa função aqui no Social é servir e atender as pessoas, tornar a vida das pessoas melhor. Mesmo sem os cursos e com muitas das nossas atividades paralisadas por conta do coronavírus, encontramos na produção de máscaras algo que gratifica e salva vidas. Estamos muito felizes em contribuir um pouquinho no combate à pandemia”, diz a secretária municipal de Desenvolvimento e Assistência Social, Maria Cristina Belmonte Gabriel.

E o prefeito Vicente Minguili complementa: “o momento pelo qual estamos passando é triste, pois vemos a economia prejudicada, as pessoas com medo e muitas já contaminadas e até mortas. Mas, em momentos de crise como esta, graças a Deus, a solidariedade também se revela e descobrimos forças para ajudar o próximo”.

comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2020 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia