Católicos se preparam para Semana Santa
Em Macatuba, encenação da Paixão de Cristo envolve 140 atores e atrai fiéis de toda região
Católicos se preparam para Semana Santa
VIA SACRA - Encenação da Paixão de Cristo completa 49 anos em Macatuba (Foto: Divulgação)
Macatuba se prepara para receber o principal evento de seu calendário: a encenação da Paixão de Cristo, que neste ano chega a sua 49ª edição. O grupo de teatro Padre José Corsini, da Paróquia Santo Antônio, responsável pela dramatização, prepara nos mínimos detalhes a tradicional encenação da Sexta-Feira Santa, evento consolidado no município pelos valores religioso, turístico e cultural. 
Segundo os organizadores, desde o início do ano o grupo teatral formado por membros da comunidade cumpre uma agenda repleta de reuniões, ensaios, confecção de figurinos, montagem de palcos e cenários. Cerca de 140 atores e figurantes estão envolvidos nas atividades, que são coordenadas por Doralice Maria Artioli Munhoz, que ajuda na organização do evento desde a sua primeira edição.
“Esse evento é muito importante para o município e para nós, fiéis. Com ajuda da interpretação dos atores, podemos viver a história dos últimos dias de Cristo na Terra. Convido a todos os macatubenses e católicos da região para prestigiarem esse momento de fé e evangelização”, convida.
As atividades da Semana Santa, em Macatuba, começam no domingo (14), com a Benção dos Ramos e a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. A procissão sai às 7h da Praça do Cruzeiro e segue até a Matriz de Santo Antônio, onde será celebrada uma Santa Missa. Às 10h, está marcada a Benção dos Ramos no Centro Educativo Mário Rosa; em seguida, tem procissão até a Igreja Cristo Rei, no Jardim Bocaiúva.
A programação segue durante toda a semana, até no dia 19, Sexta-feira Santa, quando acontece o ponto alto do evento com a encenação da Paixão de Cristo, que deve reunir milhares de pessoas vindas de várias cidades da região e até de outros estados. O evento, que conta com o apoio da Secretaria de Cultura da Prefeitura Municipal de Macatuba, tem início previsto para as 16h, em frente à Matriz de Santo Antônio. A encenação percorre as ruas da cidade até o CEC (Centro Esportivo Cultural), onde acontece a crucificação.
“A Paixão de Cristo é o nosso principal evento de turismo e atrai pessoas de toda região. Por isso, estamos preparando a cidade com carinho para receber os visitantes. A Prefeitura está dando uma atenção geral aos principais pontos da cidade e garantindo o apoio na execução da estrutura do evento, que é uma manifestação da cultura popular que temos que valorizar”, comenta a secretária de Cultura, Lara Cardoso Mariano Pereira.
Lençóis e Pederneiras também celebram a data
Os católicos de Lençóis Paulista iniciam a Semana Santa no próximo domingo (14), com a celebração do Domingo de Ramos. Os fiéis promovem missas, procissões e vigílias que acontecem no Santuário Nossa Senhora da Piedade e nas outras cinco paróquias da cidade.
Jovens da Paróquia São José, no Jardim Ubirama, realizam na sexta-feira (19), a partir das 19h, uma Meditação Encenada, como tema central “As sete dores de Maria”. Após a apresentação, os fiéis saem em procissão pelas ruas do bairro, com os andores do Senhor Morto e Nossa Senhora das Dores.
“Neste ano nós resolvemos contar a história da morte e ressurreição de Jesus Cristo através de quadros vivos, como uma forma de meditação para os fiéis”, explica um dos organizadores, Lucas D’Avilla, que convida toda a comunidade a participar do evento e também colaborar com doações de creme dental ou sabonete. Os produtos serão destinados ao projeto Acolhe Mais Mãe Piedade. 
PEDERNEIRAS
Em Pederneiras, a encenação será com a peça teatral “A Paixão de Cristo”, que acontece no próximo domingo (14), a partir das 20h, no Teatro Municipal Flávio Razuk. A dramatização reúne atores e voluntários para narrar os últimos dias de vida de Jesus Cristo na Terra, iniciando pela tentação no deserto e culminando com sua morte e ressureição. A montagem é dirigida por Ester Pires e Guto Góess e conta com 35 atores divididos entre alunos do Projeto Andar e Voar e pessoas da comunidade.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2019 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia