Projeto visa fortalecer a apicultura para a geração de emprego
Proposta também visa consolidar o mel como produto da cadeia turística na região
A Secretaria de Planejamento e Turismo de Agudos promove no mês de maio o primeiro workshop sobre produção e comercialização de mel, com a participação de apicultores e representantes de toda a cadeia produtiva do setor. O objetivo é desenvolver a apicultura como parte do segmento turístico e econômico.
Na última quarta-feira (13) foi definido o formato do evento que será o primeiro de um plano de ações a serem realizadas. A proposta é fortalecer a apicultura, mas também consolidar o mel como produto da cadeia turística na região, uma vez que a produção é expressiva em todo estado, mas necessita de maior divulgação quanto à sua importância na geração de emprego e renda, inclusive através do turismo.
Recentemente, a secretaria estadual criou um Plano Regional de Apicultura, que segue diretrizes estaduais, mas que deve ser adequado a planos municipais de incentivo à produção. A coordenadoria estima que nos 15 municípios que fazem parte da regional de Bauru existam 150 produtores de mel e cerca de 10 mil colmeias em cidades com maior ou menor desempenho da cadeia produtiva.  Em Agudos, são cerca de 20 produtores.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2019 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia