Alunos da FourC participam de competição mundial da Fórmula 1
Patrocinados pela RGE equipe trouxe prêmio inédito para o Brasil
Alunos da FourC participam de competição mundial da Fórmula 1
B.E.S.T. - Na foto, o grupo formado pelos alunos da FourC que participaram da final mundial junto com os profissionais (Foto: Divulgação)
Eles têm de 12 a 14 anos, mas construíram o ‘carro’ de Fórmula 1 que foi o 15º mais veloz entre os 50 participantes na competição mundial F1 nas Escolas (F1 in Schools) e trouxeram para o Brasil um troféu inédito: o prêmio “Chair of Judges Recognition of Achievement Award” (Reconhecimento dos juízes pelo potencial do time).
Com o apoio da RGE/Lwarcel (Royal Golden Eagle International), a equipe, chamada ‘B.E.S.T’, formada pelos alunos Luciano Ferraz, Samir Shayeb Neto, Enzo Simão de Souza, João Pedro Beber, Felipe Sanchez e Pedro Bonora, da escola FourC, participaram da final mundial que aconteceu de 8 a 12 de setembro em Cingapura, onde competiram com 50 equipes de 23 países.
A competição internacional é um teste multidisciplinar de habilidades abrangendo Ciência, Tecnologia, Engenharia, Matemática, Design e gerenciamento, com os alunos refletindo a Fórmula 1 na vida real, projetando, testando e competindo como se fossem uma verdadeira escuderia da F1. Além disso, a equipe também planeja e realiza ações de marketing, busca de patrocínio e divulgação da marca. Todo o trabalho é apresentado a um painel de juízes, com mais de 45 especialistas da indústria, da Fórmula 1 e da educação, que avaliam os diversos elementos dentro do trabalho apresentado.
Os carros criados pelas equipes são movidos por ar comprimido ao longo de uma pista de 20 metros em uma média de 1,2 segundos. Cada carro é ‘dirigido’ por um membro da equipe, com um botão de disparo liberando o modelo quando cinco luzes se apagam, assim como no início de uma corrida de F1.
Durante o trabalho de estruturação da escuderia e montagem do carrinho, os alunos contaram com o apoio do professor Francisco Ferreira. Assim como as escuderias da Fórmula 1, os alunos também trabalharam em equipes de engenharia e empreendedorismo, com cargos de diretor de marketing, gerente de recursos, gerente de projetos e design.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2018 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia