Publicidade
Publicidade
Publicidade
Teatro Municipal recebe peça “O Advogado de Deus”
Com classificação indicativa de 12 anos, espetáculo tem entrada gratuita
Teatro Municipal recebe peça “O Advogado de Deus”
O ADVOGADO DE DEUS - Peça traz temas da atualidade, como o conflito entre pais e filhos e o confronto de valores entre gerações (Foto: Divulgação)
Nesta quinta-feira (9), a partir das 20h, o Teatro Municipal Adélia Lorenzetti, em Lençóis Paulista, apresenta a peça “O Advogado de Deus”, com elenco composto pelos atores Alberto Centurião, Alexandre Marques, Cris Mazzuca, Edu Rodrigues, Liza Vieyra, Lucienne Cunha, Nina Mancin e Ricardo Del Rey. Com entrada gratuita, o espetáculo é promovido pela Alic (Associação Lençoense de Incentivo à Cultura) com recursos provenientes da Lei Rouanet.
Adaptada do livro da autora Zíbia Gasparetto, a peça “O Advogado de Deus” se passa no Rio de Janeiro nos anos de 1932 a 1951, uma época de boas músicas, romantismo e idealismo, e conta a história de Alberto, um jovem em luta para reaver a herança e a verdadeira identidade, que lhe foram usurpadas por seu primo José Luís Camargo. Daniel Rezende é o jovem advogado idealista que aceita defender sua causa em juízo.
O enredo traz temas da atualidade, como o conflito entre pais e filhos, o confronto de valores entre gerações, a ética na política e nos relacionamentos pessoais e profissionais, a justiça e o imenso valor de um advogado corajoso e ético, que defende um injustiçado em luta para restabelecer a justiça, reavendo o que é seu por direito. Ao mesmo tempo, revela alguns mecanismos das relações espirituais, que frequentemente se originaram num passado remoto e têm prosseguimento na presente encarnação.
A peça tem classificação indicativa de 12 anos. A entrada é gratuita, mas os lugares são limitados. A disponibilidade de ingressos deve ser consultada na Casa da Cultura Prof.ª Maria Bove Coneglian, na Rua Sete de Setembro, 934, no Centro, ou pelo telefone (14) 3263-6525. O Teatro Municipal Adélia Lorenzetti, fica na Rua Cel. Álvaro Martins, 790, na Vila Nova Irerê.
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2018 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia