Governador Márcio França inaugura novo terminal rodoviário
Solenidade realizada na manhã de ontem contou com a presença de autoridades de toda a região
Governador Márcio França inaugura novo terminal rodoviário
SOLENE - Governador Márcio França prestigiou inauguração do novo terminal rodoviário de Lençóis Paulista (Foto: Elton Laud/O ECO)
Uma cerimônia realizada entre o final da manhã e o início da tarde de ontem (19), com a presença do governador, Márcio França (PSB), marcou a inauguração do novo terminal rodoviário intermunicipal de Lençóis Paulista. Após quatro anos de espera, a obra que custou mais de R$ 2,8 milhões e foi viabilizada por meio de um convênio entre a Prefeitura Municipal e o Governo do Estado de São Paulo foi entregue à população.
A solenidade também contou com a presença do prefeito Anderson Prado de Lima (PSB), da vice-prefeita Cíntia Duarte (PDT), do presidente da Câmara, Manoel dos Santos Silva, o Manezinho (PSDB), do líder do governo na Câmara, Ailton Tipó Laurindo (PHS) e demais vereadores e secretários da Administração Municipal. Também estiveram presentes os deputados estaduais Fernando Cury (PPS) e Celso Nascimento (PSC), além de prefeitos e vereadores de diversas cidades da região.
Iniciada em 2014, durante a gestão da ex-prefeita Bel Lorenzetti, a construção do novo terminal rodoviário, que recebeu o nome do ex-prefeito José Prado de Lima, o Pradinho, levou cerca de quatro anos para ser concluída e foi executada em diversas etapas por empresas contratadas por meio de licitação. As últimas etapas, realizadas neste ano, contemplaram a implantação do sistema de irrigação, obras de calçamento e acabamento.
Com custo total de R$ 2.825.726,21, a obra foi viabilizada por meio de convênio com o DER (Departamento de Estradas e Rodagens), órgão vinculado à Secretaria de Logística e Transportes do Governo do Estado de São Paulo, que liberou R$ 1,5 milhão em recursos, cabendo como contrapartida do município o valor restante: R$ 1.325.726,21.
Na ocasião, o governador Márcio França destacou a importância da obra para a população, enfatizando a parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura Municipal. “É um prazer estar de volta a Lençóis Paulista para inaugurar uma obra como este terminal rodoviário. Eu tenho certeza que esta é uma conquista muito importante não apenas para a população de Lençóis como de toda a região. É um terminal moderno, construído com a ajuda do Governo do Estado e com importante participação da Prefeitura Municipal, que vai possibilitar que as pessoas possam fazer seus deslocamentos, embarques e desembarques com mais conforto e segurança. É uma obra no padrão de São Paulo e é uma satisfação poder inaugurá-la”, comentou.
O prefeito Anderson Prado de Lima relatou à reportagem que o novo terminal rodoviário vem para facilitar a interligação com os municípios, inclusive com a possibilidade da abertura de novas linhas. “Lençóis Paulista está localizada no coração do estado de São Paulo e uma obra como esta é de extrema importância, tanto que fomos prestigiados com a presença do governador Márcio França. A cidade tem crescido e se desenvolvido. Vamos ter o advento da ampliação da Lwarcel, da vinda da Sepac, e passamos a ter um terminal rodoviário amplo e moderno que vai ajudar na interligação com os outros municípios. Estamos aguardando as licitações que estão na Artesp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo) para a abertura de novas linhas”, destacou o prefeito.
Com 3,8 mil metros de área construída, obra segue conceitos de sustentabilidade
Localizado em uma área de 13,2 mil metros quadrados, no cruzamento da Avenida Jácomo Nicolau Paccola com a Rua Alvino dos Santos, no Jardim das Nações, às margens da Rodovia Marechal Rondon (SP-300), o novo terminal rodoviário possui 3,8 mil metros quadrados de área construída e coberta.
No local irão funcionar a bilheteria, os sanitários com vestiários (feminino e masculino, balcão de informações, prédio da área administrativa, três salas para instalação de lojas de conveniência, praça de alimentação com lanchonete, área de táxi com capacidade para nove veículos, além de nove plataformas de embarque e desembarque de passageiros. A obra também contempla dois estacionamentos com capacidade para 30 carros e 30 motos, além de um terminal que fará a conexão com o terminal urbano, no Centro da cidade.
A obra também seguiu conceito de sustentabilidade ambiental e também de acessibilidade. Contempla sistema de captação de água de chuva que é armazenado em duas cisternas e depois bombeada para o sistema de irrigação dos canteiros e jardins. O sistema tem capacidade de armazenamento de 30 mil litros de água. A rodoviária também tem rampas para acesso de deficientes físicos e cadeirantes.
Tanto o terminal rodoviário quanto o entorno da obra receberam um projeto paisagístico com o plantio de mais de 8 mil mudas ornamentais. O projeto paisagístico contemplou ainda 130 palmeiras de diferentes variedades, 15 árvores de Jasmim e Manga, além do plantio de 7,5 mil metros quadrados de grama esmeralda. O projeto incluiu também um sistema de irrigação automático que vai utilizar a água das duas cisternas para irrigar os jardins, canteiros e também a rotatória “Therezinha Biral Capelari”, que fica na frente do novo terminal.
 
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2018 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia