Publicidade
Publicidade
Publicidade
Jovem é preso por tráfico
Com ele foram apreendidos maconha, cocaína e dinheiro do comércio ilegal
Jovem é preso por tráfico
DROGA - Foram apreendidos um tijolo e um invólucro de maconha e mais 46 eppendorfs de cocaína (Foto: Polícia Militar/Divulgação)
No último sábado (28), um jovem de 18 anos foi preso após ser pego praticando o comércio ilegal de drogas próximo ao recinto José Oliveira Prado. A droga que estava com ele foi apreendida, além de mais uma quantia que estava em sua casa.
Por volta das 23h, a equipe de Força Tática composta pelo Sargento da Polícia Militar, Lucas, e o Soldado Davi, em patrulhamento nas proximidades do recinto de exposições da Facilpa, avistou M.H.G., de 18 anos, morador do Jardim Ibaté, em atitude suspeita, e que ao perceber a presença da equipe mudou seu comportamento.
O jovem foi abordado e submetido à revista pessoal onde foi localizado em seu poder um invólucro de maconha, três eppendorfs de cocaína e R$ 451 em espécie, ele ainda confessou que havia mais droga em sua residência.
Em diligência até o local, com apoio do Canil da PM foi localizado mais um pequeno tijolo de maconha e mais 43 eppendorfs de cocaína prontos para o tráfico. O jovem assumiu que estava vendendo a droga nas redondezas por R$ 20 cada eppendorf de cocaína e que a maconha era para seu próprio consumo. Ao todo, a maconha pesou 81,6 gramas e a cocaína, 51 gramas.
Diante dos fatos, o indivíduo foi encaminhado à Delegacia de Polícia, onde o delegado de plantão deu voz de prisão em flagrante delito. M.H.G. ficou recolhido aos cárceres, à disposição da Justiça.
Mais droga é apreendida no Jardim Itapuã
Na noite da última quarta-feira (2), por volta das 20h, a equipe da Polícia Militar, em patrulhamento pelo Jardim Itapuã, avistou G.S.R., de 16 anos, já conhecido dos meios policiais saindo de um terreno baldio.
Diante disso, a equipe fez a abordagem e em revista pessoal foi localizado oito pedras de crack, e uma porção de maconha dentro de uma caixa de fósforo, além de R$ 58 em espécie no bolso de sua bermuda.
Indagado a respeito, o mesmo alegou que a maconha era para consumo próprio e o crack estava sendo vendido a R$ 5, e que o dinheiro que estava em seu bolso seria oriundo da venda ilegal. 
O adolescente foi encaminhado à Delegacia de Polícia, onde o delegado de plantão após tomar conhecimento dos fatos elaborou um Boletim de Ocorrência pelo ato infracional de tráfico de drogas. O mesmo foi ouvido e liberado.
 
comentários 0 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para a matéria. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2018 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia