Publicidade
Publicidade
Publicidade
Casal Adrenalina
Viviane e Daniel Covre vão trazer dicas e informações para os viciados em esporte!
Reforçando a imunidade
A prevenção sempre é o melhor ataque. Se você fica doente com muita facilidade, CUIDADO! As chances de sua imunidade estar baixa são grandes. Gripes frequentes, resfriados, infecções parasitárias recorrentes e pequenas infecções que se tornam mais sérias não são algo normal, são sintomas de um sistema imunológico fraco. Os sintomas mais graves podem ser febre, calafrios, náuseas, vômito, diarréia e cansaço.
A alimentação desempenha papel muito importante na imunidade, pois as reações do sistema imunológico também necessitam de energia e de vários nutrientes para a formação de células e outras substâncias envolvidas no nosso sistema de defesa.
Ainda estamos no verão, mas o inverno, que é a estação do ano em que ficamos mais suscetíveis a infecções respiratórias, em breve baterá na porta. Esse é um bom motivo para aprendermos um pouco mais sobre os alimentos para fortalecer mais os soldados do seu sistema imunológico.
O QUE PODE BAIXAR SUA IMUNIDADE?
Dietas ricas em açúcares, principalmente o refinado, pois interferem na capacidade das células brancas do sangue (defesa) de destruir as bactérias;
O consumo de álcool interfere em várias respostas imunológicas, sendo que isso pode estar ligado a certas infecções e até algumas formas de câncer;
O consumo de gorduras em excesso reduz a atividade das células protetoras e prejudica a resposta imunológica. Mas alguns tipos de gorduras são benéficas, como é o exemplo do azeite de oliva;
Magreza (baixo peso) e obesidade (excesso de peso) estão associadas a um sistema imunológico debilitado. A obesidade aumenta o risco de infecções. Dietas restritas em calorias enfraquecem nossas defesas;
Exercícios físicos regulares fortalecem o sistema imunológico, aumentando a atividade das células protetoras. Entretanto, exercícios muito intensos e prolongados podem, em curto prazo, aumentar o risco de infecções;
O estresse pode debilitar nossas defesas, aumentando as chances de infecções. Controlá-lo é fundamental.
ALIMENTOS QUE AUMENTAM A SUA IMUNIDADE
Vitamina C - Aumenta a produção das células de defesa, que tem efeito direto sobre as bactérias e vírus aumentando assim a sua  a resistência a infecções.
Goiaba, pitanga, agrião, caju, espinafre, fruta-do-conde, melão, frutas cítricas (kiwi, limão, acerola, bergamota, laranja, abacaxi), couve, brócolis, tomate, pimentão amarelo. Condimentos: açafrão, coentro, cravo-da-índia, gengibre, páprica, salsa e tomilho.
Vitamina E - Atua  em conjunto com as vitaminas A e C e com o mineral selênio, agindo como antioxidante (o que retarda o envelhecimento).
Germe de trigo, óleos de soja, arroz, algodão, milho e girassol, abacate, gema de ovo, vegetais folhosos (rúcula, couve, folha de brócolis, folhas de beterraba), cenoura, e chuchu. Condimentos: Açafrão, louro, manjericão manjerona, orégano e pimenta.
Vitamina A - Tem ação anti-inflamatória.
Cenoura, abóbora, fígado, espinafre cozido, melão, brócolis, mamão, manga, aspargo, pêssego, beterraba, alho, alho poro, broto de bambu, lentilha, melancia, banana, caqui, gema de ovo, damasco, cereja. Condimentos: alecrim, chili, coentro, cravo-da-índia, louro, manjericão, manjerona, pimenta e sálvia.
Vitamina B6 - Aumenta a imunidade geral do organismo. Tem ação protetora contra o câncer, e ajuda a controlar alguns tipos de diabetes.
Levedo de cerveja, lentilha, arroz integral, semente de girassol, soja, germe de trigo, banana, cenoura, abacate, melão, vísceras, peixe, frango, gema de ovo, nozes. Condimentos: Alho, cebola, chili, coentro, estragão, gengibre, manjericão, manjerona, orégano, páprica, pimenta e sálvia.
Selênio - Antioxidante, imunoestimulante, desintoxicante e antiinflamatório.
Frutos do mar, vísceras, alho, cebola, milho, cereais integrais (aveia, quinua) cogumelo, levedo de cerveja, castanha do Pará, ovos caipira. Condimentos: alho, coentro, gengibre e salsa.
Zinco - Atua na reparação dos tecidos e na cicatrização de ferimentos.
Aveia, ostra, leite, gema, frutos do mar, espinafre, sementes de girassol, cogumelo, gengibre. Condimentos: cominho, gengibre, manjericão e papoula.
Se você pensa que garantir o bom funcionamento do sistema imunológico é complicado, se engana. É muito mais fácil do que se imagina. Basta uma alimentação balanceada, já que os alimentos contêm substâncias bioativas que podem estimular o sistema imunológico, aumentando a resistência às bactérias e aos vírus. Basta que você inclua os alimentos sugeridos na tabela e mantenha uma alimentação variada.
Outra boa sugestão é montar um prato bem colorido, quanto mais colorido maior é a diversidade de vitaminas e minerais. Não utilize estas informações só no inverno ou quando estiver doente mantenha os seus soldados da linha de frente sempre turbinados. E não se esqueça: A DEFESA É SEMPRE O MELHOR ATAQUE! 
comentários Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Ainda não há nenhum comentário para o Artigo. Seja o primeiro!
Publicidade
Publicidade

Todos os direitos reservados © Jornal O ECO 2017 - oeco@jornaloeco.com.br - telefone central: (14) 3269-3311

desenvolvido por Natus Tecnologia